GOGEN YAMAGUSHI

 

 

Gogen Yamaguchi "O Gato" nasceu no dia 20 de janeiro de 1909 na cidade Kagoshina ao sul de Kyushu. Desde muito cedo que mostrava grande interesse pelas artes marciais, e logo nos primeiros anos de escola começou a treinar Kendo e Karate sob a orientação de um carpinteiro de seu nome Murata, um experiente Karateca de Okinawa, e que se impressionou com o jovem Yamaguchi, quer pela sua atitude séria quer pela sua boa vontade para o treino duro. Tudo o que sabia de Goju-Ryu, Murata ensinou a Gogen Yamaguchi.

Durante os seus dias como estudante de direito, Yamaguchi fundou seu primeiro dojo de Karate na Universidade Ritsumeikan em Kioto. Logo, o seu dojo ficou famoso em toda a cidade pelo treino muito duro e pelos intensos exercícios respiratórios. Naquela época os karatecas praticavam somente katas e Yakusoku kumite o que os tornava incapazes para competições. Foi então que Yamaguchi decidiu dar o primeiro estágio para ensinar Jiyu Kumite e estabeleceu regras para decidir o vencedor dos combates.

Em 1931 então com 22 anos, Gogen Yamaguchi foi apresentado ao fundador do Goju-Ryu, o gtande mestre Chojun Miyagi. Esse famoso encontro marcou profundamente a visão de Yamaguchi sobre o Karate. Anteriormente Yamaguchi treinava somente o aspecto mais rígido e duro do Goju-Ryu, mas após esse encontro Yamaguchi ficou determinado a treinar o aspecto espiritual e o aspecto físico. Mestre Miyagi era muito estimado por Yamaguchi por ter conseguido dominar tão bem o aspecto rígido do Goju-Ryu, ao ponto de Miyagi apelidar Yamaguchi de "Gogen" que significa “tempestuoso”. Mais tarde Miyagi nomeou Gogen Yamaguchi como seu único sucessor no Goju-Ryu do Japão.

Durante os anos seguintes, Gogen Yamaguchi passou longas temporadas no monte Kurama onde se submetia a rígorosos exercícios e duros treinos em "meditação e jejum". Durante a segunda Guerra Mundial entre 1938 e 1945, Gogen Yamaguchi foi enviado para a Manchúria. Aqui na Manchúria e variadíssimas ocasiões, Gogen Yamaguchi teve que utilizar toda a sua arte do Karatê e o seu treino mental para permanecer vivo. Foi durante o confronto entre a Rússis e o Japão em 1945, que Gogen Yamaguchi foi feito prisioneiro de guerra e enviado para um campo de prisioneiros na Mongólia, onde passou dois  difíceis anos complemente encarcerado sob as mais severas condições. Mais uma vez a sua força e perícia foram postas à prova e durante todo esse tempo, onde continuou sempre a treinar e desenvolver o Karate Goju-Ryu. Depois de reconquistar novamente a liberdade, Gogen Yamaguchi regressou ao Japão onde se tornou numa das mais lendas mundiais de toda história do Karate, onde ficou mundialmente conhecido como “O Gato” pela sua graciosidade e velocidade das suas técnicas, e também pela sua postura favorita em lcombate “Neko Ashi Dachi” ou seja, como dizia, a "postura do gato".

Mestre Gogen Yamaguchi contribuiu como muito poucos para o desenvolvimento do Karate Goju-Ryu e para o Karate em geral. Com a sua liderança a International Karatê-Do Goju Kai Association (I.K.G.A) emergiu como uma organização muito forte, e que iria desenvolver a popularidade do Karate em todo o Japão e em vários países em todo mundo. Hoje, o Goju-Ryu está fortemente implantado em mais de 50 países.Gogen Yamaguchi com toda a sua sabedoria e sucesso, conseguiu unir em 1964 todas as escolas de Karate do Japão numa única instituição, a Federation of All Karate-Do Organization (F.A.J.K.O).

 

Gogen Yamaguchi juntou ao sistema Goju-Ryu os "Taikyoku katas" métodos de treino para iniciantes como preparação para os katas mais avançados. Na combinação da prática religiosa com o treino de Karate, Gogen Yamaguchi incorporou também o Yoga. Com todas estas vertentes, fundou em tempos mais recentes o "Goju-Shinto". Estabeleceu uma relação entre a mente e o corpo, e aperfeiçou todas as funções da respiração e da meditação como aspecto fulcral para o melhor entendimento das artes marciais. Por esta a razão, no Goju-Ryu, o exercício respiratório “IBUKI” (concentração total dos músculos num todo, e da mente e corpo para um estado de completo “vazio coerente”.

A Kokusai Budo Renmei International Martial Arts Federation do Japão, entidade cujo principal dirigente é o Príncipe Higashikuni da Família Imperial Japonesa, nomeou o Mestre Gogen YamaguchiShihan” das organizações de Karate. Nunca um homem tão simples tinha recebido tão importante reconhecimento pelo desenvolvimento e propagação do Karate-Do. Gogen Yamaguchi chegou ao 10° Dan sempre com a mesma dedicação e intensa determinação, o que o tornou numa lenda do Karate. Gogen Yamaguchi era ainda mestre de Yoga e sacerdote Shinto. A lenda “O Gato” morreu em 1989, deixando em seu lugar seu 3º filho Goshi Yamaguchi, não sem antes conseguir unir em perfeita harmonia todos os aspectos do “Go” e do “Ju” na sua magnífica arte.